Wednesday, May 31, 2006

Vou te falar uma coisa:
Quando pudermos sair do planeta, eu não vou mais acreditar nessa coisa de deus.Me lembro que certa vez eu tentei acreditar em alguma coisa, só consegui ver as energias negativas que saia daquele homem, e das energias boas que sai de você.
Certa vez foi no mundo algo muito discreto. E você vai me falar que não entendeu nada, você vai rir e me dizer que ando escrevendo coisas malucas e sem nexo.Por isso que nunca vou deixar de prestar atenção.Minha reles atenção de quatro graus de miopia, minha atenção em quando passo o creme depois do banho, ou quando ouço a música passando o blush todo errado, mas que você não vai perceber. Por que na verdade, eu queria que você visse um pequeno ato, um gesto meu que te hipnotizasse sabe? Pra você lembrar durante dias, semanas. Pra você lembrar pra sempre.E assim, mesmo com a memória fraca, daquelas de fazer força pra lembrar, vai sempre ter uma cena que vai ficar pra sempre.Eu acordo de manha, viro de lado, levanto sempre com muita preguiça e tomo um banho e já e tarde.Quando eu crescer quero ter uma banheira bem grande e gostosa.

No comments: